sexta-feira, 8 de julho de 2011

Perpendiculares

Desafiar o novelo
num grito
nesta linha
perigo .

desfiar o caminho
aviso !
preciso parar
de correr o risco
da vida.

3 comentários:

del disse...

Às vezes fico sem jeito de chegar aqui e comentar, porque você escreve tão bem e toca meu "eu interior" de um jeito que fico sem palavras. Acabo escolhendo a visita silenciosa, que é melhor que um comentário bobo qualquer. Mas, como sempre, você escreve maravilhosamente bem :)

Anônimo disse...

Greet work there. I must appreciate author as well.

Ajosé1150 disse...

Feliz com o reencontro. Mais feliz ainda com os frutos do seu trabalho literário. Novo (re)reencontro no dia 28 de julho. Um abraço.